quinta-feira, junho 20, 2024
Variedades

Quem tem direito ao Seguro Desemprego

O seguro desemprego é um benefício concedido aos trabalhadores que são dispensados sem justa causa. Ele tem como objetivo garantir uma renda temporária para o trabalhador enquanto ele procura por um novo emprego. No entanto, nem todos os trabalhadores têm direito a receber o seguro desemprego. Neste artigo, vamos abordar quem tem direito a esse benefício e quais são os requisitos necessários para solicitar o seguro desemprego.

Trabalhadores formais demitidos sem justa causa

O seguro desemprego é destinado aos trabalhadores formais que foram demitidos sem justa causa. Isso significa que aqueles que pediram demissão ou foram demitidos por justa causa não têm direito a receber o benefício. Além disso, é necessário que o trabalhador tenha sido registrado em carteira e contribuído para a Previdência Social por um determinado período de tempo.

Quem tem direito ao Seguro Desemprego
Quem tem direito ao Seguro Desemprego

Carência mínima

Para ter direito ao seguro desemprego, o trabalhador deve ter trabalhado por pelo menos 12 meses nos últimos 18 meses anteriores à data da demissão. Essa é a chamada carência mínima. Também é necessário que o trabalhador não esteja recebendo nenhum outro benefício da Previdência Social, como auxílio-doença ou aposentadoria.

Quantidade de parcelas

A quantidade de parcelas do seguro desemprego varia de acordo com o tempo de trabalho do trabalhador. Os critérios para determinar o número de parcelas são os seguintes:

  • De 12 a 23 meses: 4 parcelas;
  • De 24 a 36 meses: 5 parcelas;
  • Mais de 36 meses: 5 parcelas.

Vale ressaltar que a primeira parcela do seguro desemprego não será paga de imediato. Existe um período de espera, conhecido como carência, que varia de acordo com o tempo de trabalho do trabalhador. Durante esse período, o trabalhador deve fazer a sua inscrição no seguro desemprego e aguardar o prazo estabelecido para começar a receber as parcelas.

Requerimento e documentação necessária

Para solicitar o seguro desemprego, o trabalhador deve realizar o requerimento junto ao Ministério do Trabalho e Previdência Social. Além disso, é necessário apresentar a seguinte documentação:

  • Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS): documento que comprova o registro em carteira;
  • Termo de Rescisão do Contrato de Trabalho (TRCT): documento que formaliza a demissão;
  • Comprovante de inscrição no PIS/PASEP: documento que comprova o vínculo com o Programa de Integração Social (PIS) ou Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (PASEP);
  • CPF: Cadastro de Pessoa Física;
  • Documento de identidade: RG, CNH ou qualquer outro documento oficial com foto.

Além desses documentos, o trabalhador também deve apresentar o requerimento preenchido, que pode ser obtido no site do Ministério do Trabalho e Previdência Social.

Consulta ao resultado

Após fazer a solicitação do seguro desemprego, o trabalhador pode consultar o resultado do requerimento. Para isso, basta acessar o site do empregabrasil.mte.gov.br e informar o número do PIS/PASEP, CPF e a data de nascimento. O resultado informará se o trabalhador teve o seu requerimento aceito ou negado.

É importante ressaltar que o seguro desemprego 2024 será pago de acordo com as regras estabelecidas pelo governo. Por isso, é fundamental que o trabalhador esteja atento às atualizações sobre o benefício.

Ao entender quem tem direito ao seguro desemprego e quais são os requisitos necessários para solicitá-lo, o trabalhador poderá se planejar financeiramente durante o período de desemprego. É fundamental aproveitar esse benefício como um apoio temporário até que uma nova oportunidade de trabalho surja.

Read More
Brasil

Quais são os impostos obrigatórios que devem ser pagos todos os anos?

Já pensando nos impostos obrigatórios para 2024 trouxemos hoje em dia informações para você se organizar com relação ao seu IPVA 2024 RS. Anualmente é preciso quitar esse imposto que é obrigatório em todo território pátrio para os proprietários de automóveis automotores, vamos logo apreender melhor como funcionará o IPVA 2024 RS.

O IPVA 2024 RS é cobrado de todo proprietário de veículo automotor, por consequência se você tem o seu fique circunspecto aos prazos e também formas de pagamento para fique em dia com o seu IPVA.

O Imposto Sobre Propriedade de Autos Automotores publicado como IPVA é uma obrigatoriedade para proprietários de autos que não possuam mais de 15 anos. Estar em dia com o IPVA 2024 RS evita que você circule com um veículo irregular sujeito a multas e também mortificação do veículo por guardas de trânsito.

Todos e cada um dos anos uma tabela contendo os finais das placas e também as datas a fim de que seja realizado o pagamento do IPVA é liberada a fim de que a humanidade tenha conhecimento dos prazos estabelecidos.

Pagamento

O pagamento do IPVA 2024 RS poderá ser acontecimento pelo tributário em valor integral ou mesmo segmentado. Vale focar que o tributário que escolhe o pagamento em quantidade integral e também no prazo é possível que ainda ser beneficiado com descontos que chegam a 277% sobre a quantidade do seu IPVA 2024.

Com o documento do IPVA em mãos você é possível que efetuar o pagamento da quantidade em uma mansão lotérica ou em terminais de bancos como o Banco do Brasil, Bradesco e também ITAÚ.

Valor

Vários contribuintes acabam tendo incerteza em comparação com valor do IPVA RS por perceber que os valores acabam sendo diferentes de um tributário para o outro. O motivo que leva a essa diferença de medida é o fato do valor do IPVA ser calculado consoante o veículo que você tem e também a alíquota do seu estado, por conseguinte a alíquota do Rio Extensa do Sul é dissemelhante da de outros estados Brasileiros.

Consulta

Porque você tenha como realizar uma consulta sobre a situação do seu veículo vá ao sítio da Internet do Detran do Rio Extensa do Sul no endereço http://www.ipva.rs.gov.br/;

Na opção “Consulta de Automóveis” basta inserir o RENAVAM do veículo e também a placa.

Read More
Educação

A importância da tecnologia no estudo

A sala de aula não é mais a mesma, ainda mais se comparada com a realidade de algumas décadas atrás. O interesse pelos estudantes em estarem sempre conectados às mais diferentes novas tecnologias abriu uma grande discussão no meio docente. Há a necessidade de usar esse recurso para colaborar com o aprendizado.

No ensino infantil até a universidade, não há como negar que o estudante sempre estará utilizando recursos eletrônicos para suas atividades, por isso a incumbência de fazer esse uso útil e racional, ao contrário de um uso mecânico sem aprofundamento.

O incentivo e inovação dos estudos é de extrema importância para que os alunos se sintam mais motivados a estudar. Se você deseja realizar a conclusão do ensino fundamental ou médio pode fazer a prova do Encceja, para receber o seu diploma basta acertar o número de questões mínimas.

Realize a inscrição no programa de forma online através da página do participante, através da mesma você também poderá conferir informações do edital, provas e o resultado.

Alunos e professores conectados

É necessário até mesmo o professor saber gerenciar essa ligação. Um bom exemplo é realizar atividades online em sites especializados em uma matéria, como idiomas. Ou incentivar o debate em relação a um determinado assunto após assistir um documentário em sala de aula, produzido por uma TV a cabo ou um canal específico sobre ciências. Há infinitas possibilidades para ajustar a tecnologia ao ensino, a falha é quando o aluno não busca a pesquisa e sim a cópia.

Visando esta relação direta da utilidade da tecnologia em sala, o Google desenvolveu um recurso para ajudar os professores a selecionarem material didático para os estudantes. O Google Classroom serve para envio de exercícios por e-mail e recebimento das respostas, organização de atividades didáticas, ele está dentro da Google Apps for Education, desenvolvido pela empresa para uso em ambiente escolar. O professor pode também se valer de um chat para tirar dúvidas dos alunos fora do horário da aula.

Tecnologia gerando novas profissões

O aproveitamento tecnológico não somente está inserido na fase acadêmica como suporte de ensino e pesquisa, mas gerou mudanças também nas profissões. Um exemplo típico é o jornalismo online ou a web marketing, o foco foi gerado pela procura de mercado no setor das redes e internet. Empresas geram renda através da net e cada vez mais clientes aumentam o número do perfil de pessoas que buscam serviços e produtos através de cliques.

Para a nova geração, que diretamente já é inserida neste novo contexto, tem um ganho pela facilidade de lidar com a moderna tecnologia de aparelhos e ferramentas. Para outras gerações não há tempo a perder, vale a pena se inserir no meio através de cursos de informática, inclusive dedicados a terceira idade. Muitos aposentados reabilitam sua vida social com a leitura, interação e vivência também através do mundo online.

Read More
Brasil

Os impostos de importação brasileiros que levaram a queixa da OMC

No entanto, uma vez que a DETRAN também lida com as inspeções regulares do veículo e com os pagamentos anuais de impostos rodoviários, você se encontrará mais cedo ou mais tarde no escritório mais próximo. Quando você vai lá pela primeira vez, fale com um falante de português para que você possa descobrir se eles têm funcionários de língua inglesa para ajudar os residentes estrangeiros.

O imposto rodoviário brasileiro é um imposto de propriedade do veículo a motor (IPVA ​​- imposto sobre propriedade de veículos automotores). O IPVA é devido anualmente e o valor é baseado em uma porcentagem do valor total do seu carro.

O departamento de tráfego estadual (DETRAN), onde você registrou o seu carro, envia-lhe uma carta no correio, lembrando-o de pagar e indicando o montante devido. O processo de pagamento é chamado licenciamento (licenciamento 2024), e em alguns estados você pode pagar a taxa on-line.

Mudanças na lei do imposto

Incluído neste IPVA PR é o seguro obrigatório de terceiros. Isso cobre danos causados ​​ao seu carro e à sua pessoa por outros veículos e vice-versa. É aconselhável obter um seguro de cobertura total além do obrigatório, pois o risco de se envolver em um acidente é alto. Você também deve garantir seu carro contra roubo; não é incomum ter seu carro quebrado quando você estaciona nas ruas em cidades maiores.

A reclação do imposto da importação por Brasileiros
A reclação do imposto da importação por Brasileiros

Bruxelas acredita que as tarifas de importação são injustas e quebram as regras de comércio global.

O Brasil impõe um imposto de 30% sobre os veículos a motor importados, na medida em que busca construir uma indústria automobilística local.

Os fabricantes de automóveis recebem isenções fiscais se eles investem lá, o que levou as empresas européias – incluindo BMW, Volkswagen e Jaguar Land Rover – a construir plantas no Brasil.

Um legislador alemão no Parlamento Europeu, Daniel Caspary, diz que as exportações de automóveis da UE para o Brasil caíram mais de 11% este ano em parte devido aos impostos.

O Brasil insistiu em “cumprir as regras do comércio internacional”.

As taxas de importação de 30% que também se aplicam a produtos que vão desde computadores a smartphones e semicondutores também irritaram o Japão, os Estados Unidos e outras grandes nações comerciais, que poderiam se juntar à disputa.

Bruxelas destacou que a disputa não deve ter influência nas delicadas negociações de comércio livre com o Mercosul, que reúne o Brasil, a Argentina, o Uruguai, o Paraguai e a Venezuela.

O Brasil seria um dos principais beneficiários desse acordo de comércio de longo alcance, mas sem um acordo, perderá seu acesso favorável à União Européia no próximo ano porque já não é considerado um país pobre em desenvolvimento, mas um meio de renda média alta.

Após 10 rodadas de conversações e várias reuniões em Genebra, sede da OMC, as duas partes não conseguiram resolver a longa disputa sobre os impostos de importação. https://www.facebook.com/carrosd0brasil/posts/2008701236026244

“A proteção da indústria doméstica brasileira vem à custa dos bens importados da Europa e isso é inaceitável”, disse um funcionário da UE próximo das discussões. “Tivemos muitas reuniões bilaterais, mas o Brasil não tomou medidas concretas”.

Informações adicionais

Além do imposto de importação do veículo é importante lembra que outras taxas serão pagas em cima desses valores, como por exemplo IPVA, DPVAT (Esse possui valor fixo), Seguro do Veículo e também taxas estaduais como por exemplo o licenciamento 2024 de São Paulo e o licenciamento RJ. É importante ter total consciência desses valores cobrados para depois não ter qualquer surpresa que possa causa uma dor de cabeça.

Read More
Brasil

Impostos destinados ao cidadão terão alíquotas reduzidas

Aqui você consulta o valor do IPVA RJ que está disponível no Detran e no banco Bradesco para pagar na data indicativa nas tabelas de calendários, dependendo do final da placa do veículo. Caso pague dividido, estão sendo retiradas nos vencimentos, não se deve admitir a contraversão das duas últimas parcelas. O cooperador do IPVA de Rio de Janeiro (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores).

Você pode pagar esse imposto de acordo com as datas na tabela fornecida pela Detran e a emissão do guia é feita através da Internet, saiba mais sobre ele. O Valor do IPVA 2024 RJ passou por mudanças, assim como acontece todos os anos, mas a atualização não é muito alta, é simplesmente não perder o poder da moeda. Um valor que era mais fácil de pagar devido às novas opções.

Ao emitir o guia de pagamento no Bradesco você será capaz de perguntar sobre o montante exato que você deve pagar. Como ele não tem um valor fixo e igual a todos, mas com base no veículo que tem, é necessário emitir o documento para obter informações.

IPVA RJ

Para todo proprietário de veículo automotor é essencial descobrir que a inadimplemento com o imposto é possível que produzir transtornos como multas de trânsito e também até consumição do veículo. Confira mas sobre o IPVA 2024.

Porque você tenha como evitar obstáculos de trânsito referentes ao IPVA RJ fique cauteloso as informações que daremos seguinte.

Consulta Valor

O tributário do IPVA RJ é possível que realizar uma consulta do imposto pela web de uma forma muito simplória e também rápida, para isso basta que você acesse o endereço do sítio da Internet do Detran RJ.

Pagamento

Realizar o pagamento do IPVA fora da data é possível que guiar ao tributário juros que são calculados e também podem chegar a 20% no valor do imposto. Você é possível que optar pelo pagamento do IPVA RJ em3 parcelas iguais e também sucessivas. Para parcelar o imposto é preciso optar a opção de parcelamento no instante do sentimento da guia de recolhimento GRD.

Enquanto optamos por parcelar o imposto a 1ª parcela vai ser medida relativo a 1/3 do imposto, mas 1/3 do número de taxas e também ainda o valor integral do abrigado obrigatório.

Nas 2ª e também 3ª parcelas do IPVA será cobrado apenas o número de 1/3 do imposto, mas 1/3 de taxas. Caso sua guia de recolhimento não seja entregue no prazo você é possível que emiti-la no sítio da Internet do Detran RJ ou no sítio do Bradesco em https://www.ib2.bradesco.com.br/.

No site siga os passos próximo para enunciar o IPVA RJ:

  • Escolha a opção “GRD – IPVA / DPVAT / Taxa de Licenciamento Anual / Taxa de Emissão CRLV”;
  • Clique em “Continuar”;
  • Preencha o torrão indicado com o número do Renavam e também insira o Código de Verificação;
  • Clique em “Continuar”.

Tabela

A tabela do IPVA Rio de Janeiro cobiça as datas para efetuar o pagamento do imposto como o final da sua placa. Na tabela você poderá consultar o prazo caso escolha efetuar um pagamento integral ou dividido. Agora temos a tabela do IPVA, porém veja como ela funciona na tabela aquém.

Read More
Benefícios

Quem tem direito ao valor máximo de um salário mínimo?

O abono salarial é equivalente ao valor máximo de um salário mínimo, que é pago conforme o Calendário PIS 2024 anual estabelecido pelo CODEFAT.

É muito importante ficar sabendo sobre o valor que será pago, mas outra dúvida na cabeça dos contribuintes é saber quem tem direito ao PIS 2024, por isso vamos explicar logo abaixo.

O trabalhador deve preencher os seguintes requisitos para ter direito:

  • #01 – O trabalhador precisa estar cadastrado no PIS há pelo menos 5 anos;
  • #02 – Deve ter recebido remuneração mensal de até dois salários mínimos no ano base, ou seja, no ano anterior ao do recebimento do abono;
  • #03 – Precisa ter exercido atividade remunerada para pessoa jurídica durante 30 dias, consecutivos ou não, no ano base considerado para apuração;
  • #04 – E precisa também ter seus dados informados de forma correta pelo seu empregador na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS).

Se você está enquadrado dentre os requisitos para receber o benefício, o próximo passo é realizar o cadastro, receber o cartão, consultar o calendário PIS 2024 e posteriormente realizar o saque.

A tabela do PIS serve para definir o valor a que tem direito ao trabalhador, e desta forma, quem trabalhou apenas um mês no ano base de 2017, irá receber 1/12 do salário mínimo. Para quem trabalhou dois meses, o abono será de 2/12, e assim por diante.

Além disso, também só tem direito ao abono salarial, os trabalhadores que tenham recebido em média dois salários mínimos mensais, com carteira assinada, havendo ainda a necessidade de comprovar um mínimo de 30 dias trabalhados durante o ano de 2024.

O trabalhador com acesso à internet pode visualizar a tabela do PIS 2024 atualizada no site Portal Brasil e no site da Caixa Econômica Federal.

Read More
Educação

Segunda Chamada PROUNI: Lista de Espera, Resultado

Os estudantes que não foram convocados na primeira chamada ainda terão chances de serem convocados para a segunda chamada Prouni 2023. Com esse programa é possível estudar em instituições privadas pagando menos. Veja como consultar a segunda chamada Prouni 2023.

Estudar no Brasil não é uma tarefa tão fácil assim, principalmente se a instituição de ensino for privada.

Infelizmente, as mensalidades cobradas nessas instituições costumam ser extremamente abusivas, reduzindo o alcance de estudantes.

Participar de programas como o Prouni 2023 é uma excelente chance de conseguir estudar nessas instituições pagando menos na mensalidade ou absolutamente nada – no caso dos bolsistas integrais.

Não ser aprovado na primeira chamada não pode ser sinônimo de desistência, pois essa aprovação pode acontecer na lista da 2ª chamada Prouni 2023.

Como funciona o Prouni?

O Programa Universidade para Todos, como também é conhecido o Prouni, foi criado em 2004 na gestão do então presidente Luis Inácio Lula da Silva.

Seu principal objetivo é oferecer bolsas de estudo integrais ou parciais em instituições de ensino privada para candidatos que não possuam renda para pagar as mensalidades.

Podem concorrer a uma dessas bolsas apenas os candidatos que não possuam diploma no Ensino Superior e que estejam dentro da faixa de renda familiar per capita exigida.

Para bolsas parciais deve-se possuir uma renda mensal per capita familiar de até 3 salários mínimos. Já para as bolsas integrais, a renda mensal per capita familiar deve ser de até 1 salário mínimo e meio.

Os estudantes que estão apreensivos pela segunda chamada Prouni 2023 obrigatoriamente devem cumprir os requisitos se quiserem usufruir da bolsa sem problemas.


O que é a segunda chamada Prouni?

A segunda chamada do Prouni ocorre depois da primeira chamada, etapa inicial do processo de seleção dos estudantes que foram aprovados.

Na primeira chamada, os estudantes que obtiveram uma maior pontuação no mesmo ano que realizaram o ENEM 2023 ou no ano anterior são convocados.

Esses estudantes devem comparecer na instituição escolhida e apresentar os documentos obrigatórios.

Muitos estudantes não conseguem apresentar as informações e documentos obrigatórios dentro do prazo estabelecido. É nessa hora que ocorre a segunda chamada.

A segunda chamada Prouni 2023 é determinada pelo MEC para o preenchimento das vagas remanescentes não preenchidas pelos estudantes convocados na primeira chamada.

Geralmente essa chamada ocorre em fevereiro / começo de março. Uma outra forma de estudar com direito a bolsa, é por meio das vagas remanescentes Prouni 2023.


Lista de espera Prouni 

A lista de espera Prouni 2023 é mais um dos recursos que o estudante tem caso não seja aprovado em nenhuma dessas duas chamadas.

O candidato deve manifestar a vontade de participar dessa lista de espera que fica disponível no site oficial.

Essa lista de espera é utilizada pelas instituições de ensino privadas para a convocação dos candidatos.

Para participar dessa lista de espera é necessário:

  • Visitar esse site e confirmar o interesse em participar dessa lista dentro do prazo estipulado no cronograma.

Saiba também sobre o Prouni 2023 segundo semestre!

Read More
Educação

Confira Nova Regra para Alunos Isentos

O Ministro da educação publicou nesta sexta (15) no Diário Oficial da União uma portaria que estabelece que os alunos isentos da taxa de inscrição, que não comparecerem na prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) precisarão justificar a ausência para não perder a isenção no ano seguinte.

Segundo ministro Renato Janine Ribeiro, os detalhes da justificativa ainda serão definidos, mas a portaria afirma que o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) será o responsável por avaliar os motivos de ausência dos alunos.

Prova Enem para entrar na faculdade
Prova Enem para entrar na faculdade

Datas e inscrições

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2021 será realizado em 24 e 25 de outubro. Lembre-se de fazer a inscrição Enem 2023 dentro do prazo. O ministro afirmou que a publicação do edital com todas as regras do Enem desse ano será feita na edição da próxima segunda-feira (18) do “Diário Oficial da União”.

Read More
Benefícios

Calendário do PIS PASEP: Confira!

Mudanças trágicas afetaram trabalhadores de todo o Brasil que dependiam de uma ajuda além do salário mínimo, o qual não conseguia suprir todas as necessidades que uma família tem. Estou falando do abono salarial, que teve o seu Calendário do PIS PASEP 2022 oficial já disponibilizado. Para indignação de muitos, os aniversariantes entre janeiro até junho, só poderão receber o PIS em 2022.

Segundo informações, tudo isso vem acontecendo por conta da crise que o país vem enfrentando e também pela surpreendente quantidade de novos trabalhadores que já passaram de 18 milhões, o governo não publicou explicitamente que não poderia pagar uma quantidade para mais de 10 bilhões, mas outras informações referente ao tema, já foram expostas, deixando em vista tudo o que precisamos saber para entender o porquê de tantas mudanças nos benefícios sociais.

Quem tem direito ao PIS 2022

Para sanar por completo as suas dúvidas referente à quem tem ou não direito, mostraremos todos os requisitos necessários e detalhados para que você não fique sem receber o seu abono salarial.

Veja os requisitos mínimos para receber o PIS

  • Ter ao menos 5 anos de cadastro
  • Ter recebido no máximo 2 salários mínimos
  • Ter trabalhado de carteira por pelo menos 30 dias em 2014
  • Ter a RAIS enviada no prazo estipulado

Estando dentro dos requisitos mínimos, basta olhar o Calendário do PIS PASEP 2022 para saber se você poderá sacar o PIS. Vale também ressaltar, que os nascidos entre janeiro e junho, não se beneficiarão em 2022.

Calendário do PIS PASEP 2022

Oficialmente lançado, o Calendário do PIS PASEP 2022 trouxe surpresas. Trabalhadores que tinham a expectativa de sacar o PIS logo agora, a partir de julho, deverão ficar atentos ao calendário oficial, e falando logo antecipadamente, não poderão sacar o PIS quem nasceu entre janeiro e junho. O governo brasileiro vem passando por crises que afetaram diretamente os trabalhadores que já não ganham um salário digno e estão prejudicados em saber que todo o planejamento com o valor do PIS só poderão ser realizados em 2022.

Com todas as informações referente ao Calendário do PIS PASEP 2022, a partir do dia 22/07/2022 já estará disponível para saque o PIS dos nascidos entre julho e dezembro.

O pagamento do PASEP 2022-2022 estará disponível a partir do próximo dia 22 de julho e até 17 de março de 2016, conforme inscrição final do cartão PASEP.

Read More
Educação

Universidades com vestibulares mais concorridos do Brasil

É possível ingressar em algumas universidades através do Exame Nacional do Ensino Médio, assim como do vestibular próprio. Ambas as formas de ingresso são muito concorridas e vale a pena se preparar com antecedência. Você sabe quais são as universidades com vestibulares mais concorridos do Brasil?

Muitas pessoas desejam ingressar no ensino superior, por ora, nem concluíram o ensino médio. Essa situação é muito comum no Brasil, sendo assim, se você não concluiu o ensino médio no tempo regular, agora é possível através da Prova Encceja 2022. Basta que você tenha um bom desempenho, para então conquistar o certificado de conclusão.

Após isso será possível ingressar em uma universidade. Confira o texto a seguir e saiba de tudo:

Universidade Federal do Paraná – UFPR

A Universidade Federal do Paraná, além de estar entre as melhores do país, também estão entre as mais concorridas. Para ingressar na instituição pública, os estudantes começam a se preparar até um ano antes do exame. Por isso, quem quer começar um curso em breve, não pode deixar de conferir a inscrição do vestibular UFPR 2019.

Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)

A UNICAMP tem um dos cursos de Medicina mais concorridos e o ingresso para as outras áreas não é tão diferente. A universidade é muito importante para o âmbito de pesquisa no país. Há um grande índice de estudantes que desejam cursar uma graduação na Universidade Estadual de Campinas, por isso, vale a pena conferir a nota de corte do seu curso preferencial e qual a pontuação necessária.

Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)

Outra instituição bastante concorrida, é a Universidade Federal de Minas Gerais. A relação candidato/vaga é muito disputada, portanto, pode ser difícil ingressar na UFMG. A universidade ganha destaque na concorrência do curso de Publicidade e Propaganda.

Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Sendo uma das maiores e mais importantes universidades do país, a Universidade Federal do Rio Grande do Sul tem um dos cursos de medicina mais concorridos do país. Por ser uma instituição modelo, muitos estudantes almejam ingressar na UFRGS e é necessário se preparar bastante para garantir a sua entrada.

Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)

A Universidade Federal do Rio de Janeiro dispõe de diversas iniciativas de pesquisa assim como uma ótima equipe de professores, devido a isto, a demanda de vagas é muito grande. Vale lembrar que a UFRJ tem excelência em qualidade de ensino, assim como na formação de ótimos profissionais para o mercado de trabalho.

Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)

A relação candidato/vaga da Universidade Federal de Santa Catarina é muito disputado, seja pela infraestrutura da universidade ou por sua qualidade de ensino. A instituição dispõe de um dos cursos de Medicina mais disputados do mercado, e para garantir a sua entrada na UFSC é necessário atingir grandes pontuações.

Read More
Back To Top